O QUE ESPERAR DO AMANHÃ?

femin.jpg

Uma das perguntas mais frequentes que todas as empresas, em todos os níveis, fazem é: Como será o amanhã? Tentando antecipar o que irá acontecer, elas planejam o futuro e apostam que é neste planejamento, que acompanha tendências e procura antecipar movimentos, que está o seu futuro. Se se trata de consumo, então, a antecipação é tudo – ou quase tudo.

Olhando-se o futuro muitas vezes nos faz esquecer do presente. É nele que as tendências nascem, crescem ou morrem. E isso é ainda mais verdade para o consumo. E é exatamente para o presente, que pode moldar o futuro, que um estudo feito pela Trendwatching, chama a atenção. Seu nome Foverer Trends, do qual a Trendwatching publicou um briefing no seu sítio na Internet.

O que diz o estudo? Em princípio, e olhando de perto, o que é óbvio: quem comanda o consumo no mundo são as mulheres. Quando não compram, são responsáveis por influenciar uma compra e, com sua inserção no mercado de trabalho, ganham, a cada dia, mais poder de decisão e de influenciar o que está se consumindo. óbvio, não?

O que não é tão óbvio é a descoberta do estudo: a inexistência, em muitos segmentos, de produtos voltados especificamente para as mulheres. Quer um exemplo? Cerveja. Aqui, no Brasil, que fábrica tem uma cerveja feminina? Nenhuma. E não venha me dizer que mulher não toma cerveja, pois toma sim. As empresas cuidam de nichos específicos, como roupas, cosméticos, etc. Mas se esquecem de outros.

O espaço a ser ocupado – e ele já vem sendo ocupado, pelo menos lá fora – é enorme, conforme aponta a Trendwatching. Seus 8 mil colaboradores em todo o mundo saíram colhendo exemplos de ações que se voltam para o “female profit” – lucro feminino – e elas estão em quase todos os setores, incluindo a reparação de automóveis.

O que o estudo mostra, no final, é que esquecendo de olhar ao redor, acabamos por perder ótimas oportunidades. A influência da mulher é algo óbvio, mas não parece tão óbvio voltar-se para ela e para o seu atendimento, diferenciando-a e, com isso, aumentando ainda mais o seu poder de decisão.

O que vai acontecer amanhã, neste caso, está acontecendo exatamente agora. (Via Trendwatching, em inglês)

Compartilhe:

Twitter
Facebook
LinkedIn
Pinterest

25 Respostas

Entre na conversa