MUITAS INFORMAÇÕES PESSOAIS

Ao longo dos mais de quatro anos da existência deste blog tenho dado, de quando em vez, pequenos detalhes de quem sou, do que faço e, até, de como fui quando criança. Se juntarmos tudo o que foi dito é possível que, no final, acabe aparecendo o que efetivamente sou. Mas isso, sem dúvida, irá representar, para quem quiser este conhecimento, um bom trabalho de juntar as peças e completar o quebra-cabeças.

Bem, pensando em tudo o que foi dito acima, decidi facilitar este conhecimento. Nasci em um sábado, no dia 12 de novembro, sob o signo de Escorpião e, pelos cálculos de gestação, devo ter sido concebido por volta de 19 de fevereiro, que também era um sábado. Pelo calendário juliano, o meu nascimento foi no ano 2433232,5. Pelo calendário gregoriano, foi 1949, que não era ano bissexto.

Pelo calendário chinês, nasci no ano do Touro, mas de acordo com o calendário dos nativos dos Estados Unidos – isso mesmo, os índios – o meu signo é a Cobra. No calendário egípcio, nasci no mês de Tyby, que é o do solo fértil. Se fosse judeu, teria nascido no ano 5710 e o dia seria 21 do mês Heshvan. Como os maias e suas previsões estão bem em voga, pelo calendário que desenvolveram, nasci em 12.16.15.17.8.

Se fosse islâmico, teria nascido no dia 20, também um sábado, mas no ano de 1369, no mês Muharram. No momento em que escrevo, tenho exatamente 730 meses, 3.174 semanas, 22.212 dias ou 533.097 horas de vida. Posso dizer, ainda, que sou mais de 1,9 bilhão de segundos velho. Dizem que o meu dia de sorte é quarta-feira e que os números que podem me dar sorte são o 9 e o 11. E minhas datas de sorte são os dias 01, 10, 19 e 28. Os planetas que me regem são Marte e Plutão e o signo que é meu oposto é Touro. A flor do meu nascimento é o crisântemo.

Bom, para completar as informações, no mesmo 12 de novembro nasceram a ginasta Nádia Comaneci, o escultor Auguste Rodin, o cantor e compositor Neil Young, a princesa Grace Kelly, de Mônaco, o ator David Schwimmer, o Ross do seriado Friends e um dos grandes jogadores de beisebol dos Estados Unidos, Sammy Sosa. Um dos grandes sucessos musicais internacionais no ano em que nasci era You´re Breaking My Heart (Você está despedaçando meu coração, em uma tradução livre), cantada por Vic Damone. No Brasil, Brasileirinho, com Waldir Azevedo, estava no topo da parada.

Bem, chega de informação. Mas se você chegou até aqui deve estar curioso de como consegui tudo isso. É simples: usei o Birthday Calendar. O que ele lista, o faz com base em dados dos Estados Unidos, mas como muitos são gerais, você os pode aproveitar. O resultado está em inglês, mas a tradução do Google ajuda.

Compartilhe:

Twitter
Facebook
LinkedIn
Pinterest

4 Respostas

Entre na conversa