MUDANDO O SENTIDO DA FRASE

Em todos os países temos autores que construíram belíssimas frases, legando-as a nós e permitindo que, uma ou outra vez, a usemos para ilustrar um texto ou mesmo reforçar um argumento. Aqui, no Brasil, temos excelentes frasistas, capazes de resumir em uma pequena linha todo um pensamento. Com o Google, achá-las não é difícil.

Existe, no entanto, um outro aspecto das frases que poderíamos explorar, olhando-as de modo contrário ao que estatuem. Tome-se como exemplo a afirmação que “só amor tornas as pessoas mais bonitas”. Será¡ verdade? Aos olhos do amante, a amada pode ser mesmo uma pessoa linda, mas isso não a torna verdadeiramente bela e nem a transformar em uma Gisele Bundchen.

Não tinha pensado nisso antes, mas a questão me chamou a atenção a partir de um e-mail recebido de um amigo. Nele, a proposta era exatamente de ver as frases de outra forma. Confiram:

  • O amor não é aquilo que te pega de surpresa e te deixa totalmente ser ar. O nome disso é asma.
  • O amor não faz brotar uma nova pessoa dentro de você. O nome disso é gravidez.
  • O amor não torna as pessoas mais bonitas. O nome disso é álcool
  • Se beber fosse pecado, Jesus teria transformado água em Fanta Uva!
  • Se você não quer ouvir reclamações, trabalhe no SAC de alguma empresa fabricante de paraquedas
  • Todo mundo comete erros. O truque é cometê-los quando ninguém está olhando.
  • Calculei meu IMC e constatei que minha altura está 20 cm abaixo da ideal.
  • Leio a Playboy pela mesma razão que leio a National Geographic: Gosto de ver fotografias de lugares que sei que nunca irei visitar.
  • Dizem que a bebida resolve todos os problemas. Pra mim ainda não resolveu, mas eu sou brasileiro e não desisto nunca!
  • As melhores crianças do mundo são as japonesas. Estão a 20 mil quilômetros de distância e quando estão acordadas eu estou dormindo.
  • Se acupuntura adiantasse, porco-espinho viveria para sempre.
  • Calorias são pequenos vermes inescrupulosos que vivem nos guarda-roupas, e que a noite ficam costurando e apertando as roupas das pessoas.
  • Se você se lembra de quantas bebeu ontem, então você não bebeu o bastante.
  • Cerveja sem álcool é igual travesti: a aparência é igual, mas o conteúdo é bem diferente!
  • Se vegetarianos amam tanto assim os animais, por que eles comem toda comida dos pobrezinhos?

Viram? O resultado de tudo é que podemos dizer que os brasileiros são criativos, pegando frases usadas por muitos e mudando-as completamente. Ou então criando novas, dando um sentido diferente a comportamentos e ações que tomamos ou vemos os outros tomarem. Temos as inversões e temos, também, a exploração de ditos ou de comportamentos, como é o caso do “encolhimento” das roupas, não do nosso aumento de peso.

Este tipo de brincadeira sempre me agrada, talvez até por não ser capaz de gerar frases assim. E, como já disse aqui antes, sempre que acho algo interessante, procuro partilhar.

E então, o que você achou? Sabe de alguma frase de efeito que se enquadra no modelo das que estão aqui publicadas? Contribua, vamos ampliar a relação.

Compartilhe:

Twitter
Facebook
LinkedIn
Pinterest

8 Respostas

Entre na conversa