MINHA VIDA DE CACHORRO

caes.jpg

Desde que o homem domesticou o primeiro animal, cães e gatos passaram a se integrar à vida humana. Hoje, em muitas casas, os animais convivem com os humanos e se tornam até parte da família. Uma pesquisa recente mostrou que em alguns casos estes animais têm, para a pessoa, maior importância que o seu parceiro.

Com tanto apego, era natural que se criasse, no rastro dos animais domésticos, uma indústria bilionária. A prova disso está nos chamados pet-shops, espalhados por todos os cantos. Em alguns deles, os animais recebem tratamento e atenção que uma grande parcela dos humanos não têm.

Duas recentes iniciativas fora do Brasil mostram como este segmento se tornou importante. O primeiro, nos Estados Unidos, onde uma das maiores indústrias farmacêuticas do mundo lançou um antidepressivo para cães que, de acordo com a BBC, “sofrem de ansiedade de separação”. Chamada de Reconcile, a droga vem em tablete, é mastigável e tem gosto de carne.

A segunda iniciativa é japonesa. Em Tóquio acaba de ser inaugurada a primeira academia para cachorros. Nela, uma hora de atividades – esteira, piscina, etc. – custa a bagatela de 124 reais. A nova academia, baseada no fato de que os animais domésticos adotam o mesmo estilo dos humanos – ficam sedentários e gordos – está fazendo sucesso.

Como sempre acontece, a moda não deve demorar a chegar no Brasil. E você, o que acha?

EXPLICAÇÃO NECESSÁRIA

email3.jpg

Quem deixa um comentário neste blog sabe que adotei uma prática que é a de responder a todos, via e-mail. Acho que é o mínimo que posso fazer diante da gentileza do comentário. Também acho que é uma forma de interação, daí, mesmo com o tempo curto, não abandonar a prática.

Neste início de semana será diferente e não haverá respostas aos e-mails. Não por que queira. Mas graças aos desígnios da tecnologia que falha nas horas mais impróprias. Foi o que aconteceu comigo e, na falha, os e-mails foram, literalmente, para o espaço.

Hoje, acredito que as coisas já estejam ajustadas e a vida volta ao normal. E com ela, as respostas aos e-mails.

E O SEU ACESSO À INTERNET?

internet02.jpg

Este é o tema da pesquisa da semana. Nele, o que o blog quer saber é de onde você acesso a Internet. É de casa? Ou é no trabalho? Eu, por exemplo, faço as duas coisas, mas muita gente não consegue acesso a blogs no trabalho.

Então, vá à barra lateral, escolha uma opção e dê o seu voto. E, se achar conveniente, deixe um comentário.

Compartilhe:

Twitter
Facebook
LinkedIn
Pinterest

27 Respostas

Entre na conversa