DINHEIRO E INTELIGÊNCIA COMBINAM?