AS PÉROLAS DO VESTIBULAR

eletro.jpg

Um dos assuntos recorrentes, quando se fala de vestibular, é que, a cada ano, as redações estão piores. Refletem, neste caso, a piora da qualidade de ensino, que leva à universidade alunos com grandes deficiência de aprendizado.

Entra ano e sai ano, listas circulam pelos jornais e pela internet. Nelas, algumas das pérolas cometidas por alunos que, saindo do ensino médio, estão tentando uma vaga na universidade, aqui significando universidade pública.

Agora mesmo, está¡ havendo um vestibular para a Universidade Federal do Espírito Santo. E dele vem uma série de pérolas como:

  • “(…) ler bússola de remédio”.
  • “O abito de leitura ajuda a formar indivíduos mais conssientes”.
  • “Devido ao baixo poder acsitivo”
  • “Por iço e nem por raquilo que sabemo. Somos filhio de Deus”.
  • “Nós, cidadões brasileiros, temos de mudar essa cituação”.
  • ” (…) entra num prosseço de transf., passa dedesconheçedor para conheçedor”.
  • “Alguns são inguinorantes (…) temos suplhilhos (sobrinhos) ótimos”
  • “Ao fiquissarmos nossos olhos”.

Como podem ver, são, em alguns casos, erros primários, de total desconhecimento do português, pelo menos no seu lado escrito, e das regras gramaticais. A quem culpar, neste caso?

Não acho que toda a culpa deva ser atribuída aos alunos. Eles vem, quase sempre, de um meio onde a educação não é o forte. E não tem, de parte do Estado, a assistência necessária para se desenvolverem.

Querem um exemplo? Todos nós sabemos que a leitura é essencial para o desenvolvimento da escrita. Quem lê, tem maior facilidade do que quem não o faz. Isto está¡ mais que comprovado.

Mas como pedir para ler a quem ganha trás salários âmnios, que é o salário médio do brasileiro? Não dá. E não existem, nas escolas ou fora delas, bibliotecas que ofereçam ao jovem e ao estudante a oportunidade de ler.

No final, analisando bem a situação, podemos dizer que a sociedade, que ajuda a manter a injustiça e o fosso social, é que é a responsável por estes jovens chegaram ao vestibular com um conhecimento muito pequeno.

E você, concorda? O que acha que deveria ser feito para mudar a situação?

MARCAS DESCONHECIDAS
fato.jpg

Marcas desconhecidas invadem o mercado de imagem e som do Brasil.
Foston, Wizard, Apacer e X Tek estão entre os fabricantes que chegaram ao País e ajudaram a derrubar os preços. Em alguns casos, são 36 marcas diferentes – e desconhecidas – disputando o mercado.

A informação é de O Estado de São Paulo, que percorreu lojas para ver como anda a venda de eletrônicos para este Natal.

O que você acha disso? E quando vai comprar, o que influi, a marca ou o preço?

COMO VOCÊ SE VÊ?

É isto que a pesquisa desta semana está¡ perguntando. Vá lá, na barra lateral, escolha o seu tipo e vote. Participe!.

Tag: sem tag

35 Respostas