AH, AS RECLAMAÇÕES. INCRÍVEIS!

reclama.jpg

As exigências dos tempos modernos fazem com que as empresas mantenham centro de atendimento ao consumidor. Dizem os especialistas que eles são fundamentais, dando credibilidade à marca e evitando que ela seja arranhada por problemas que, muitas vezes, um simples telefonema resolve.

E não é que um amigo, que recebeu pela internet, me mandou uma série de reclamações que, para dizer o mínimo, são bem interessantes. Você imagina como elas são? Não? Então, veja alguns exemplos:

  • Recentemente adquiri três cuecas da Lupo, modelo Speedo. Acontece que após um dia de uso, a hora que eu tiro a cueca, ninguém aguenta o cheiro. O que faço? Pode ser problema na fabricação das cuecas?
  • Comprei um Philishave há algumas semanas e por necessidade resolvi usá-lo na região do saco escrotal, mas não obtive muito sucesso. Gostaria de deixar a minha sugestão para elaborarem um produto específico para esse fim.
  • Eu sempre tive o costume de quando estou sozinha em casa, colocar o meu celular no modo de vibração e colocá-lo sobre o meu clitóris e em seguida ligava para mim mesma. No entanto tenho ouvido muitos comentários falando que celulares quando usados em excesso podem causar câncer. Gostaria de saber se essa informação é verdadeira?
  • Gostaria de fazer uma reclamação. É sabido por todos que o cigarro é prejudicial à saúde. É óbvio que vocês, assim como eu, sabem disso. Minha reclamação se refere ao fato de minha sogra ser fumante há trinta anos e até agora não ter tido nenhum tipo de doença relacionada ao consumo de cigarro. Considero isso lamentável, pois eu compro três maços de cigarro pra ela por dia e até agora nada.
  • Recentemente um grande amigo meu me pregou uma baita peça e eu preciso descontar. Como possuo uma espingarda calibre 4,5 mm gostaria de saber qual distância seria segura para dar um bom susto nele, ou seja, atirar, mas não para matar. Será que vocês poderiam me orientar? Tenho medo de fazer alguma besteira.
  • Há muito tempo venho utilizando a linguiça Sadia como parceira sexual. Celibatário e homossexual por opção, gostaria de opinar sobre uma possível mudança na textura da mesma, que poderia apresentar sua superfície em alto relevo e um aumento do seu diâmetro, para aumentar o prazer. Seria possível?

Não garanto – e nem o meu amigo pode fazer isso – que as reclamações sejam autênticas, pois não as recebi das empresas. Mas, na certa, são bastante engraçadas e criativas. E você, o que acha delas?

Compartilhe:

Twitter
Facebook
LinkedIn
Pinterest

10 Respostas

Entre na conversa