A VIDA COM BUGS

soft.jpg

Todos nós que usamos computadores sabemos que uma das coisas mais comuns são os bugs – defeitos dos programas que, às vezes, infernizam nossas vidas. Para quem é usuário do Windows, isto é, a maioria, essa é uma presença constante.

Mas por que isso ocorre? Existem várias explicações, todas elas técnicas e que não chegam a lugar nenhum, ou seja, explicam, mas não explicam, pois os bugs continuam existindo. Como explicar? Não sei.

Ah! Mas você quer mesmo saber? Então veja o ciclo de produção de um software:

  • O programador desenvolve o programa e acha que não tem erros
  • O produto é testado e, no primeiro teste, 20 erros são descobertos
  • O programador corrige 10 deles e afirma que os outros não são bugs de verdade
  • O programa é novamente testado e se descobre que tem 15 novos bugs
  • Os passos três e quatro se repetem, pelo menos mais três vezes.
  • Devido à pressão do marketing e ao anúncio prematuro do programa, ele é colocado à venda.
  • Quando isso acontece, os usuários descobrem que tem mais de 130 novos bugs
  • O programador original, tendo recebido seu dinheiro, se mandou e não é encontrado.
  • Uma nova equipe é contratada para resolver os bugs, mexe no programa e cria 356 novos bugs
  • O programador original envia um postal de Fiji para o seu antigo departamento. Todos os programadores se demitem.
  • A empresa é comprada, em uma transação hostil, por outra que, no seu último software, tinha 783 bugs.
  • O novo “chefão” assume e contrata novos programadores para refazer o programa.
  • Os novos programadores produzem novo código, que acreditam não ter bugs.

Depois disso, o ciclo é retomado e continua. Entendeu, então, por que os programas sempre tem bugs? É que os programadores preferem ir para Fiji a consertar o erros cometidos.

Brincadeira à parte é uma explicação tão boa como qualquer outra. Você não concorda?

(Via Jokes, em inglês)

BLOGAGEM COLETIVA

 

O Brasil e várias partes do mundo vivem um momento de extrema violência, ao ponto de termos medo de sair às ruas, dominadas, em algumas cidades, por bandidos.

Esta situação tem sido objeto de comentários de muitos blogs e blogueiros. Mas que tal, no dia 30 de janeiro, aproveitando que é o Dia da Não Violência, fazermos uma blogagem coletiva sobre o assunto?

Se for participar, me avise para listá-lo aqui, no blog. O selo da blogagem pode ser pego aqui. É só clicar e copiá-lo.

Vamos juntar nossa voz contra a violência?

OS GAYS DEVEM CASAR?

O que você acha?É a favor ou contra o casamento ou união civil para os casais gays? Se for a favor, ótimo. Se contra, não tem problema.

Mesmo assim vá à barra lateral, escolha uma opção e vote na enquete desta semana. E não deixe de fazer um comentário expressando sua opinião.

Compartilhe:

Twitter
Facebook
LinkedIn
Pinterest

30 Respostas

Entre na conversa