A IRRACIONALIDADE DA GUERRA

iraque.jpg

Imagine você cercado por uma multidão ameaçadora. O que fazer? Se você estivesse no Iraque e fosse um soldado dos Estados Unidos iria usar uma nova arma que, cujos detalhes foram divulgados pela Wired.

Ela funciona assim: Disparada contra a multidão, ela provoca dor e a sensação de que a pele está queimando. Com isso, leva a pessoa atingida a correr como um desesperado. Os atingidos, todos eles, começam a correr. A multidão e a ameaça se desfazem.

Parece ficção, mas é verdade. E o resultado da correria é uma arma que a Força Aérea dos Estados Unidos está usando contra os civis no Iraque. Chamada de Sistema Ativo de Negação, ela foi certificada para uso depois de alguns testes de cientistas militares em laboratórios e em jogos de guerra.
A ADS – sigla em inglês da nova arma – dispara uma onda de milímetros que fica entre a sequencia do raios X e do microondas. Segundo os cientistas, o comprimento da onda evita que produza efeitos radioativos e se a arma for usada com propriedade, não produz efeitos colaterais.
A radiação emitida é captada pela pele, que esquenta rapidamente. E é este esquentamento que provoca o chamado Efeito Adeus, provocando o efeito de escapada, ou levando todos a correr. A arma faz efeito em no máximo 5 segundos.

Como nos Estados Unidos há uma legislação que obriga o Estado a fornecer determinado tipos de informações, foi sob seus efeitos que os detalhes da nova arma foram conseguidos.

A matéria, completa e em inglês, está na Wired. Se você domina a língua, vale a pena lê-la e se estarrecer com o que os cientistas militares pensam. E o Governo dos Estados Unidos aprova, escondido do povo.

CHIPS MAIS PODEROSOS
fato.jpg

A AMD, um dos maiores fabricantes mundiais de chips para computador, anunciou ontem que está iniciando a produção de um novo microprocessador, que adota um novo parâmetro, e que, de acordo com o fabricante, usa apenas 50% da energia que um Intel Core Duo consome.

Em que isso nos afeta? Para quem usa a informática, quer dizer que, dentro em breve, teremos computadores portáteis ainda mais potentes e com menor consumo de energia. O benefício vai chegar, também, aos computadores de mesa. A notícia está na Techmeme, em inglês.
E quem irá ganhar somos nós, usuários.

COMO VOCÊ SE VÊ?

Está é a pergunta que a pesquisa desta semana faz. Dá uma olhada na barra lateral e escolha um dos tipos em que você se enquadra.

Não achou nenhum? Então, deixe um comentário dizendo como você se vê.

Tag: sem tag

30 Respostas